Meu Nome é Bond... Pastor Bond!

sexta-feira, 27 de maio de 2011
A franquia de 007 é uma das sagas mais bem sucedidas da arte cinematográfica, conseguindo se manter a décadas nas telas de cinema em todo mundo, os filmes do agente secreto James Bond já arrecadou milhões e milhões de dólares, conseguindo assim uma legião de fãs em todo o globo.
A saga hoje já com vinte e dois filmes e com seis atores diferentes interpretando James Bond foi primeiramente apresentado ao público em livros de bolso na década de 1950, criado pelo escritor britânico Ian Fleming em 1953. Bond trabalha no serviço de espionagem MI-6 e logo se tornou um sucesso de venda entre os britânicos.
O intrigante em 007, é que ele é o agente “secreto” mais conhecido do mundo, Todos seus inimigos conhecem sua identidade secreta, ele se envolve com varias mulheres sem problema nenhum em revelar quem ele é, suas missões sempre tem grandes explosões e atitudes espalhafatosas e ele sempre se apresenta com a tradicional fala, meu nome é Bond... James Bond! Resumindo ele gosta de aparecer.


Enfim chegamos onde eu queria, ai esta a comparação do grande agente com alguns pastores da nossa geração, homens que tem um chamado especial de Deus, para levar a sua palavra e o seu amor a outras pessoas que ainda não o conhecem, homens que deveriam se esconder em Cristo para que nas suas atitudes e ações Cristo fosse exalto e glorificado, para serem verdadeiros agentes secretos de Cristo diminuindo a cada dia o seu "eu" e hasteando bem alto a bandeira do evangelho. Mas infelizmente como o 007 eles escolheram aparecer, fazem de tudo para que seus nomes sejam conhecidos, para que suas faces sejam honradas, para que a glória venham em seu encontro, não interessa se Cristo é pregado ou não desde que eles estejam no centro das atenções, esta ótimo. Querem seus nomes em outdoors e em faixas de congressos.
São verdadeiros 007, pôs assim como o agente “secreto” que quer sempre aparecer, se tornarão pastores pop star querendo estar em todo tempo na crista da onda, e não se assuste se algum dia na sua caminhada encontrar algum desses pastores por ai e quando você perguntar o nome dele ele responder meu nome é Bond... Pastor Bond!










Autor: Pastor Rodrigo Almeida

2 comentários:

Gera Wellington disse...

Gostei muito do seu blog, seu texto é muito, bom. Assim como 007 foi feito p matar. Esses Pastores querem matar o evangelho (apagar).

Luterano disse...

Realmente olhando neste ponto de vista podemos pegar essa ilustração e aplica-la na atualidade assim como voce fez. Muito bom Blog. Reflexões é o que precisamos. Fique com Deus. Vou segui-lo com certeza.

Postar um comentário